• Hub Education

5 passos para uma rotina mais produtiva trabalhando em casa

O home office está em alta. Isso é um fato. Mesmo antes do isolamento, trabalhar de casa já era uma tendência. Afinal, essa nova modalidade tem grandes vantagens: sem trânsito, no conforto do lar, com um horário mais flexível…


Contudo, manter a produtividade em alta pode ser um desafio com tantas distrações tentadoras ao alcance da sua mão (e sem ninguém pra te supervisionar, além de você mesmo).


Então, vamos aos 5 passos simples (e poderosos) para tornar sua produtividade um desafio prazeroso trabalhando de casa.


1. Mantenha seu sonho sempre por perto

A melhor forma de vencer as distrações é ter um motivo muito forte para trabalhar e produzir. Quando a gente tem convicção daquilo que queremos, todo o resto deixa de ter importância. Assim, nosso foco fica centrado nas ações que vão nos aproximar dos nossos sonhos.


Isso requer muita clareza dos seus pensamentos.


É muito comum as pessoas me falarem: “Tathi, não sei nem por onde começar…”


Então vamos juntos? Dê uma nota de 0 a 10 para cada uma dessas áreas:


1- Vida financeira

2- Vida sentimental

3- Vida profissional

4- Vida Intelectual

5- saúde

6- Outros relacionamentos

7- Espiritualidade


Só desse momento de reflexão e diagnóstico do seu momento atual, você já pode ter um ponto de partida para traçar planos do que você quer pra si em cada uma das áreas!

Você pode inclusive focar em alguma dessas áreas para multiplicar os resultados de maneira exponencial!


Ao escolher quais as áreas que precisam de atenção, um exercício interessante para se manter motivado é manter o seu sonho por perto.


Por exemplo, desde o início da minha carreira, o meu sonho era poder viajar e conhecer novos lugares.


Com o objetivo de conquistar a tão sonhada viagem, procurei deixar deixar fotos dos lugares que queria conhecer sempre à vista!


Agora que a gente se cercou, não tem como você esquecer ou abandonar o seu grande objetivo no meio do caminho!


Faça isso agora mesmo: altere o plano de fundo da sua área de trabalho do computador, mude o wallpaper do seu celular e espalhe a imagem do seu sonho no máximo de lugares possíveis!

2. Autoconhecimento: saiba quando você é mais produtivo

Existem pessoas e pessoas, por isso, defendo a ideia de que não existe uma técnica mágica de produtividade que se encaixa para qualquer um.


Um dos principais pontos de partida para a criação de uma rotina produtiva é saber como você funciona.


Para isso, existem algumas perguntas básicas como:


Quais são as suas motivações?


O que deixa você sem energia?


Como você recarrega as energias com mais facilidade?


Qual o horário que você produz melhor?


Que tipo de música te ajuda a se concentrar?


Se você conseguir responder todas as perguntas, ótimo!


Pode parecer pequeno, mas quando você tem as respostas para essas questões na ponta da língua, fica bem mais fácil otimizar sua rotina produtiva.


Eu sei que falar da gente pode parecer difícil no início, por isso, uma dica é começar simplesmente respondendo, pelo menos, as duas questões abaixo.


Quando tenho mais quantidade de energia e concentração?


Quando tenho menos interrupções e distrações?


Você se tornará muito mais produtivo quando entender o seu ritmo! Você vai acabar descobrindo quais são os piores e melhores momentos para investir o seu tempo e esforço naquilo que você busca.


E atenção: é importante que você estabeleça uma rotina de trabalho. Estar em casa apresenta muitos desafios, mas a partir do momento que você descobre quais são os seus momentos de maior produtividade, use-os diariamente para se dedicar ao seu trabalho.


Assim como você faria se estivesse indo ao escritório, defina seus horários para trabalhar e os cumpra!


Lembre-se também de reservar seus momentos de descanso e para se alimentar entre os turnos de trabalho.


3. Use as ferramentas que funcionam melhor para você

Com clareza do seu sonho, metas bem traçadas e conhecimento do que funciona ou não pra você, o terceiro passo é priorizar, ou seja, é hora de investir na famosa organização. É momento de aprender a dizer não para o que não importa!


Mas como definir o que realmente é importante para você? Anote isso: coisas importantes são aquelas que te ajudarão a alcançar seus objetivos e metas mais rapidamente! Tudo que estiver fora dos seus objetivos, fique em estado de alerta, pois pode ser distração!


Por mais que você comece a usar aplicativos, agendas ou alarmes para se organizar, se você não tiver clareza sobre o que quer, você vai se sentir zero motivação para seguir o seu planejamento.


Por isso, depois de definir seu grande objetivo e estabelecer quais são os setores que vão contribuir para o sucesso do seu plano, o truque agora é encontrar uma mistura de ferramentas que funcionem para você.


Eles servirão para facilitar sua vida! Mas tudo começa com o que se passa em sua mente! Organize seus pensamentos e ideias e naturalmente sua vida ficará mais organizada!


Você literalmente precisa “desocupar” a sua memória de qualquer tipo de tarefa e deixar sua mente livre.


Só assim você consegue exercitar o “músculo da clareza” e se permite focar em tudo aquilo que realmente é importante para o seu crescimento pessoal.


Lembre-se: estar ocupado é diferente de ser produtivo.


Quando você deixa muitas “abas” abertas na sua mente, você acaba ocupando um espaço que poderia ser utilizado para ter novas ideias ao invés de armazenar problemas e pendências.


Ok, agora que já entendemos a porquê é importante esvaziar a mente, você deve estar se perguntando, afinal, qual aplicativo você deve usar?


Na verdade, existem pessoas que gostam de anotar na agenda de papel, já outras, preferem o lado mais digital da coisa e anotam suas listas de tarefas em aplicativos de celular.


Independente do seu modo de se organizar, a única recomendação é centralizar todas as suas anotações em um único lugar.


Do mesmo modo que sua mente fica ocupada quando está cheia de tarefas pendentes, espalhar suas anotações também “ocupa espaço”.


Afinal, de que adianta anotar em vários lugares se você esquecer onde deixou suas anotações?


No meu canal, fiz um vídeo sobre aplicativos que utilizo no meu dia a dia que também podem te ajudar a se organizar com mais facilidade.


4 APLICATIVOS DE PRODUTIVIDADE QUE TODA PESSOA DEVERIA CONHECER


Por exemplo, eu e a minha equipe usamos o Trello para anotar todas as tarefas e melhorar nossa comunicação.


Então, até agora, nós já conseguimos definir seu grande sonho e entendemos como se organizar para alcançá-lo, e agora?

4. Definindo metas alcançáveis

Existem evidências de que acordar cedo tem influência direta com o sucesso de uma pessoa, mas a verdade é que nem todo mundo é obrigado a acordar às 5 da manhã.


Alguns simplesmente não são projetados para se exercitar, enviar e-mails e começar a mergulhar no trabalho antes das 8h.


O segredo, mais uma vez, é saber como você funciona melhor.


Uma vez que você definiu suas metas, eu sempre recomendo começar do maior para o menor. Ou seja, meta do ano, depois semestre, trimestre, mês, semana e dia!


Eu sempre trabalho com minha equipe metas semanais e diárias! Fazemos inclusive reuniões semanais para acompanharmos com placar a evolução de cada uma das metas!


Para ficar mais claro, estabeleça até 3 resultados efetivos que você quer conquistar essa semana e, em seguida, veja se eles têm relação direta com o seu objetivo e sonho do ano.


Para fortalecer esse músculo das metas, recomendo um exercício muito bom para te manter presente na sua jornada: tenha um modelo de recompensas e penalidades.


Por exemplo, vamos voltar ao nosso exemplo de grande objetivo do ano de fazer a viagem dos sonhos.


A gente percebeu que das sete áreas da sua vida os setores intelectual, profissional e financeiro precisam estar alinhados para alcançar este objetivo.


Sabendo disso, o que a gente faz?


Definimos as Metas Cruciais do Mês e semana com base nas áreas que vão contribuir com o nosso grande objetivo e então determinar recompensas e penalidades.


A dica de ouro agora é definir as recompensas e penalidades para você mesmo, caso você consiga bater as metas mensais ou não.


Veja alguns exemplos para você construir o seu:

Meta Crucial Profissional:

Prospectar X novos clientes ou ofertar novos serviços para os meus clientes atuais por um valor x

Recompensa:

Caso eu consiga prospectar x clientes, posso me dar ao luxo de fazer 1 hora de massagem no fim do mês.

Punição:

Caso eu não consiga prospectar x clientes, devo doar o meu aparelho celular para um amigo próximo.

Meta Crucial Financeira:

Guardar ao menos R$ 3,000 por mês.

Recompensa:

Caso eu consiga acumular este valor, posso me dar ao luxo de ficar um fim de semana inteiro em casa sem fazer nada.

Punição:

Caso eu não consiga este valor, devo vender algum bem pessoal para cobrir o que faltar.

5. Tenha um local próprio para trabalhar

A tentação de deitar na cama com o notebook e ficar de pijama o dia inteiro pode até ser grande… Mas esses dois pequenos detalhes podem acabar de vez com a sua produtividade!


Ao trabalhar em casa, é importante que você tenha um local apropriado, de preferência fora do quarto onde você dorme.


Opte por um ambiente fresco e bem iluminado, com uma mesa limpa e organizada. Deixe à mão tudo aquilo de que precisar: sua agenda, um caderno, canetas…


É importante desligar a televisão e tirar de vista objetos que possam causar distração!


Nada é impossível!

O início da jornada trabalhando home office é uma fase de adaptação. Por isso, requer esforço e dedicação.


A grande verdade é que o mundo está passando por constantes mudanças, e as dinâmicas de trabalho caminham cada vez mais para o digital.


Escritórios não deixarão de existir.


Mas o fato é: quem estiver preparado para se adaptar a essa nova realidade vai sair na frente!


Por isso, continue a estudar e se desenvolver, se adaptando cada vez mais ao trabalho diretamente de casa.

Artigo por: Tathiane Deândhela

© 2023 por Hub Education.

Comunidade de educação continuada.

Siga a gente:

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone LinkedIn
  • White Instagram Icon