• Hub Education

Deep Work, a habilidade para a produtividade

Atualizado: Mar 31




Com as novas tecnologias as empresas ficam cada vez mais exigentes em relação ao desempenho de seus colaboradores, no meio de tanta informação do mundo moderno é difícil se concentrar para oferecer esse tipo de performance, já que são muitos fatores que diariamente nos induzem a dispersão.


Foi pensando nisso que Cal Newport escreveu “Deep Work”, um livro que tem como objetivo te ensinar a focar no trabalho, levando em consideração todas essas situações que estamos atualmente inseridos.


Deep Work é uma habilidade que deve ser explorada para se tornar habitual, isso leva tempo. Basicamente existem 5 etapas principais que são trabalhadas no livro, são elas:


1. Limitar o horário de trabalho:

Um dos fatores que mais influenciam a produtividade é sem dúvida o descanso, pessoas cansadas não conseguem manter um bom desempenho, por isso é importante fixar a ideia de que o trabalho deve ficar limitado apenas aos horários estipulados, assim é possível criar uma rotina de entrega pontual.


2. Contagie-se com a matriz de Eisenhower:

No livro Newport utilizou o Framework 4DX (que é uma extensão da matriz criada por consultores de negócios) onde ele estipula outros 4 pontos para auxiliar o deep work:

  • Focar no importante.

  • Dividir os dias de trabalho em: produtivo focado no principal objetivo e medidas de atraso.

  • Observar o tempo gasto no projeto principal.

  • Calcular o próprio desempenho esporadicamente.


3. Concluir a parte mais difícil do trabalho:

É natural evitarmos resolver situações complicadas e acabarmos deixando para depois, porém é importante concluir os assuntos pendentes para podermos avançar, isso é mergulhar no Deep Work.


4. Manter-se longe das mídias sociais:

As mídias fazem parte da bagagem do mundo moderno, as notícias e tendências estão todas espalhadas pelas inúmeras plataformas existentes, tanta informação nos dispersam facilmente, tentar nos desligar desses meios é uma forma de redirecionar nossa mente para o que realmente importa.


5. Evite atividades desnecessárias:

Dentro de uma rotina de trabalho existem atividades que geralmente são padronizadas, é imprescindível observar quais são e os níveis de importância que exercem sobre os resultados, já que no Deep Work não devemos perder tempo com tarefas dispensáveis.


No geral essas são apenas alguns dos pontos trabalhados no livro, seguindo esses passos a rotina se torna mais proveitosa.


Agora que você já conhece esse mindset está preparado para incorpora-lo?



© 2023 por Hub Education.

Comunidade de educação continuada.

Siga a gente:

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone LinkedIn
  • White Instagram Icon